Queixas sobre forma do nariz podem indicar sinais de doença mental

Uma a cada três pessoas que procura a rinoplastia – cirurgia plástica do nariz – têm sinais de transtorno dismórfico corporal, uma condição de saúde mental em que a pessoa tem uma preocupação exagerada com ligeiros defeitos, reais ou imaginários, na aparência. As descobertas são de um estudo, publicado recentemente na edição de agosto da Plastic and Reconstructive Surgery, realizado com 266 pacientes avaliados por cirurgiões plásticos na Bélgica, durante um período de 16 meses.
Os pacientes – todos candidatos a fazer uma rinoplastia – foram convocados a responder um questionário para avaliar os sintomas de transtorno dismórfico corporal. Entre aqueles que procuram o procedimento por razões médicas – para corrigir um problema de respiração, por exemplo – apenas 2% dos pacientes apresentaram sintomas da doença. Mas entre os pacientes que procuram mudar o seu nariz por razões cosméticas, 43% mostraram sinais da doença, expressando uma preocupação razoável e muita angústia

Autor: Marco Cassol

Plástica e Estética Facial e Corporal. Trabalho com a mente como um cientista e com o coração como um artista. Sou um psiquiatra do bisturi.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *