Saiba tudo sobre preenchimento labial Procedimento cirúrgico bombado entre as celebridades, o preenchimento labial gera muitas dúvidas

Não corra o risco de ficar com aquele bico de pato | Crédito: Shutterstock
Segundo pesquisa da Sociedade Americana de Cirurgiões Plásticos (ASPS), a cada 20 minutos é realizado um procedimento estético para deixar a boca mais atraente. O curioso é que a cirurgia labial não atrai somente as mulheres mais maduras, mas também as mais jovens como Scarlett Johansson, Kim Kardashian e Lana Del Rey.
O cirurgião plástico Dr. Marco Cassol explica que existem diversas opções para garantir lábios mais carnudos. “Após os 50 anos é natural a região dos lábios perder volume e adquirir flacidez. Com isso, os lábios ficam com a aparência declinada, principalmente nos cantos da boca, o que desvaloriza o visual”, acrescenta.
O médico explica que hoje as mulheres já podem contar com procedimentos modernos e que proporcionam resultados cada vez mais naturais. “Atualmente o ácido hialurônico é a técnica mais segura, já que o nosso organismo produz naturalmente essa substância, diminuindo as chances de reações”, indica. Além disso, o especialista reforça que existem formulações especificas de ácido hialurônico para os lábios, o que proporciona um resultado mais bonito e natural.
“O procedimento deve ser aplicado por um cirurgião plástico de confiança e que respeite as simetrias do rosto da paciente. Mas, devemos atentar para os exageros na aplicação, afinal ninguém quer ficar com aparência de “boca de pato”, adverte Cassol.
Adolescentes podem realizar o preenchimento labial?
Segundo o especialista essa é uma questão que fica a critério do médico, haja vista que nem todos realizam o procedimento em adolescentes. No entanto, com o consentimento dos pais e a aprovação de um cirurgião plástico de confiança, a técnica pode ser aplicada sem nenhum problema. “É importante que o resultado fique bastante natural. Quando o aumento não for o bastante, o preenchimento com ácido hialurônico pode ser reaplicado após um mês”, reforçou ele.
O método de preenchimento labial costuma ser bastante simples e com invasão mínima. Não requer internação hospitalar e a paciente pode retornar as atividades rotineiras no mesmo dia. Nas primeiras 48 horas os lábios podem apresentar inchaço, mas em poucos dias os resultados são nítidos e satisfatórios.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *